FERREIRO

Raça forte

2lntmgz

Descendo de uma raça de ferreiros acostumados com a graxa, a ferrugem, o suor e muita dor, nada pode me abalar, sou como uma maquina de treinar, me fecho no meu mundo enquanto treino, não vejo nada ao meu redor enquanto treino, nem se Jesus Cristo, estiver ao meu lado na academia, tirara meu foco do treino, certa vez a academia foi assaltada enquanto eu treinava pernas, minha concentração era tanta que só fiquei sabendo do assalto após o termino do meu treino, não ouço nada, se tiver musica, ou não, para mim isso não faz a menor diferença, dentro do meu mundo musica não significa nada, algumas pessoas dizem que a musica serve para dar animo, conversa de frango, o que me da animo, é sentir o acido láctico queimar profundamente meus músculos, a dor, é isso que me da animo, o suor minando como se fosse uma bica d’água isso sim me dá animo, minha música é o barulho dos ferros batendo enquanto treino. Muitas pessoas não gostam de pessoas assim, como eu, acham que devemos ir para a academia para bater papo, durante quase trinta anos treinando, criei muitos inimigos, dentro da academia, por ser disciplinado e não ficar de conversinha durante o treino, e isso nunca me incomodou, mesmo por que sou um ferreiro e eles não.

Anderson Chantal

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s